Há mais de 10 anos a Disney vem discutindo com o governo chinês a possibilidade de abrirem um parque temático por lá, agora o assunto parece ter acabado. Previsto para estar pronto em 2014, a nova Disneylândia (que será o 4º fora do país, ainda tem na Paris, Tóquio e Hong Kong) será construída em Shanghai com um investimento de US$ 3,59 bilhões, algo em torno de R$ 8,3 bilhões.

A área construída será de 10 quilômetros quadrados, oito vezes maior que a Disneylândia de Hong Kong. Porém, o interessante é que a Walt Disney irá administrar o parque, mas não terá participação majoritária no capital. A empresa americana vai ficar com 43% e o governo municipal com 57%. Agora entendi o porque dos 10 anos de conversa, acho que os chineses venceram pelo cansaço! De qualquer maneira será excelente para Disney, uma vez que serão pirateados de qualquer maneira a melhor coisa a se fazer é entrar na festa para lucrar também.

Outro símbolo ianque que está investindo pesado no mercado chinês é o McDonald's. A rede anunciou que este ano pretende abrir 175 lojas no país, o que significa o maior investimento da empresa em um mercado só. Isso deverá gerar mais 10.000 empregos na rede que já conta com 1.050 lojas na China. Esses números particulamente me impressionam não pelo dinheiro a ser investido, mas pelo fato de uma comida tão "mais ou menos" (pra não dizer outra coisa) vender tanto.

Comments (2)

On 16 de fevereiro de 2009 11:32 , Anônimo disse...

Triste imaginar a próxima geração de chineses obesos que está por vir.

 
On 16 de fevereiro de 2009 11:57 , Luiz Barretto disse...

É, realmente parece ser uma tendência mundial. Pode ser considerado um pouco triste isso na China considerando a maravilhosa e diversificada culinária local.