Quem gosta ou não de futebol com certeza já ouviu falar do melhor time da atualidade (lutando pra chegar no Corinthians, claro): o Manchester United do português Cristiano Ronaldo, Tevez e do sul-coreano Ji Sung Park.


Pois o Manchester é patrocinado pela seguradora AIG que, com a crise financeira, está se apoiando no governo americano para sobreviver. O contrato entre as duas partes termina em maio de 2010 e foi fechado em torno de US$ 100 mihões mas a renovação não deve acontecer, o time então ficará sem patrocinador?

Claro que não e o time inglês já está indo atrás do futuro patrocinador. Uma das empresas que recebeu a proposta de patrocinar a camisa do time é a jovem companhia aérea malaia AirAsia.

Os valores do possível patrocínio não foi revelado mas, segundo o blog do CEO da empresa, Tony Fernandes, as conversas estão acontecendo (entrando no blog você pode votar se a AirAsia deve ou não patrocinar o Manchester).

Caso o negócio venha acontecer será algo inédito para a Malásia e para a Ásia. A AirAsia, que em 8 anos de existência teve um crescimento fortíssimo, pode ter a oportunidade de se firmar como uma marca de presença global e até ampliar seus negócios.

Com o ex-PM tailandês Thaksin Shinawatra no Manchester City, os asiáticos vão, aos poucos, ocupando seu espaço no futebol mais assistido do mundo.

Comments (3)

On 12 de março de 2009 15:36 , Anônimo disse...

acho que essa está sendo a saída para os grandes clubes mundiais, ainda mais depois de estourada a crise. mas será que a visibilidade da cia aérea vale um investimento na casa dos 100 milhões de dólares? passo a bola pra você luiz, abs, thales

 
On 12 de março de 2009 22:19 , Luiz Barretto disse...

e aí Thales,

Confesso que não sei muitos detalhes da AirAsia porém é de se pensar sobre a visibilidade que ela terá caso confirme esse patrocínio. Com certeza é algo que eles irão pesar mas, só o fato do Manchester United ter cogitado esse patrocínio já lhes trouxe uma mídia que não teriam do contrário. De qualquer maneira já estão no lucro, não acha?
Abs!

 
On 13 de março de 2009 09:39 , Anônimo disse...

é verdade. essa mídia que eles já obtiveram com essa notícia vale muito mais que qualquer publicidade. pensa bem em plena crise alguém disposto a pagar 100 milhoes para um clube de futebol? quando você já lê isso já vê que é uma empresa com dinheiro em caixa de sobra, que quer investir e que está em crescimento, quando o setor está em queda. já foi muito bom.
abração thales