Tentarei ser o mais isento possível sobre esse assunto. Dalai Lama havia sido convidado para uma conferência sobre como evitar racismo e promover a paz nos esportes que irá acontecer na África do Sul. O convite partiu de outros Nobel da Paz sul-africanos como os ex-presidentes Nelson Mandela (1993) e Frederick de Klerk (1993), e o arcebispo Desmond Tutu (1984). Pois a embaixada sul-africana na Índia, onde Dalai está exilado há 50 anos, negou o visto necessário para a viagem.

O Governo do país afirmou que esta foi uma decisão independente e soberana e que nada tem a ver com alguma possível pressão do governo chinês. Pois bem, Dalai Lama já foi para a África do Sul duas oportunidades, 1999 e 2004, então, a primeira pergunta é: o que mudou desde então para que o visto seja negado desta vez?

Por fim, para lhe ajudar, caro leitor e leitora, a tirar alguma conclusão do assunto queira saber que o investimento chinês por lá é de US$ 6 bilhões e a troca comercial desses dois países representa 20,8% do total que os chineses têm com todo o continente africano. O que será que aconteceu para Dalai Lama ser proibido de ir em uma conferência sobre esporte?

Comments (1)

On 24 de março de 2009 00:35 , Tami disse...

mtooo suspeito! mas eu num quero nem falar sobre pq se não.... vou me estressar pq eu acho um ABSURDO a sintuação do Dalai.